Meditação Matinal
30/07/2014


Pedindo os Dons

Se, porém, algum de vós necessita de sabedoria, peça-a a Deus, que a todos dá liberalmente, e nada lhes impropera; e ser-lhe-á concedida. Tia. 1:5

Aqueles que pedem porque desejam transmiti-lo a outros não serão decepcionados. Deus recompensará os que vão a Ele com fervorosa fé. Assegura-nos que o pensamento de Sua majestade e Soberania não deve manter-nos em temor. Se nos achegarmos ao escabelo de Sua misericórdia, Ele será muito mais generoso do que imaginamos. Realça Sua soberania como razão para Sua grande e compassiva benignidade em prover o que Lhe é solicitado. Compromete-Se a ouvir nossas orações, declarando que as ouvirá. Condescende em apelar do instinto de ternura paterna para a infinita benevolência dAquele a quem pertencemos pela Criação e pela Redenção. Ele diz: "Ora, se vós, que sois maus, sabeis dar boas dádivas aos vossos filhos, quanto mais o Pai celestial dará o Espírito Santo àqueles que Lho pedirem?" Luc. 11:13. Os necessitados e espiritualmente famintos nunca pleiteiam com Deus em vão. ...

Em vista disto, dizei-me quem deve ter o semblante mais radiante e alegre, mais repleto de felicidade, do que aqueles que vivem pela fé no Filho de Deus. NEle são supridas todas as necessidades dos necessitados e famintos. Não nos esqueçamos, porém, de que aqueles a quem Deus abençoou com as boas coisas desta vida devem ser Sua mão ajudadora, para suprir as necessidades de Seus necessitados. Eles devem ser cooperadores de Deus. São Seus despenseiros de confiança, e devem usar os seus bens para o avanço da obra do Senhor, a fim de que Seu nome seja glorificado.

O Senhor deseja usar a igreja como conduto para transmitir Suas dádivas. Se o Seu povo mantivesse o canal aberto, recebendo os dons espirituais e temporais de Sua graça, e transmitindo-os aos necessitados, não haveria doentes negligenciados, nem órfãos clamando por alimento. O coração da viúva e do órfão cantaria de alegria.

Deus concedeu ao homem o mais precioso de Seus dons. Ele o fez para que o homem pudesse repartir Suas dádivas. Bible Echo, 12 de agosto de 1901